“Exageros dos adversários são do tamanho da farsa dos Bacelar”, diz Soliney

Prefeito diz que ele é que foi vítima de agressão em Coelho Neto

Em longa carta encaminhada à imprensa (leia a íntegra aqui), o prefeito de Coelho Neto, ex-deputado Soliney Silva, dá sua versão sobre a confusão entre ele alguns professores, no fim da semana passada (reveja).

Segundo ele, toda a quebradeira que ocorreu na cidade foi “orquestrada por pessoas camufladas de líderes sindicais, usam a entidade [Sindicato dos Professores de Coelho Neto] para, em nome dos servidores municipais, se promoverem politicamente”.

Soliney acusa seus adversários da família Bacelar de “patrocinar” os atos de servidores contra a administração municipal.

“Todas as atitudes desses líderes camuflados são premeditadas, inclusive o fato de se postarem como vítimas em todas as suas badernas. E agora muito mais aparelhados, sob a tutela e o intelecto da família Bacelar, desbancada pelo povo coelhonetense nos pleitos de 2008 e 2010”, diz.

E completa o prefeito:

“Aconteceu, realmente, no último dia 24, um ato público dos servidores contratados pelos programas do governo federal em resposta à perseguição orquestrada pelo grupo Bacelar, deflagrada pelo vereador Américo de Sousa, meu ex-aliado, e pelo SINTASP, entidade que atua com desvio de finalidade, os quais insistem na demissão desses servidores.

Com relação a isso, fui informado que os servidores contratados estavam tentando impedir a politização do fato, mas foi inevitável. O presidente da entidade, professor Osmar – que faz questão de dizer que será candidato a vereador, liderou uma forjada assembléia, enquanto o vereador Américo de Sousa, como sempre, foi à rádio para denegrir pessoas e tentar macular, mais uma vez, a minha administração.

Em solidariedade aos servidores resolvi ir ao local onde se defrontavam as duas manifestações (a do sindicato, idealizada pelo grupo Bacelar, contava inclusive com aparato policial). Acreditando na possibilidade do diálogo resolvi procurar os líderes sindicais, mas fui recebido agressivamente. Um dos líderes, Lima Júnior, traiçoeiramente, atingiu-me com um microfone.

Embora querendo revidar, fui impedido por alguns amigos, retirando-me do recinto para prestar queixas na delegacia e realizar exames de corpo de delito que comprovam a agressão

O restante da história, todos nós já sabemos, mas vale a pena ler a íntegra das explicações do prefeito.


8 pensou em ““Exageros dos adversários são do tamanho da farsa dos Bacelar”, diz Soliney

  1. Óla Gilberto sou estudante aqui de Coelho Neto, e acompanho seu blog diariamente e hoje resolvi me manifesta sobre isso, e essa publicação é uma grande injustiça primeiramente não foi dito que ele chegou com mais de 400 manifestantes que revendicavam seus direitos, o prefeito ele erro sim ao ir ao sindicato, mas no momento que ele entrou eu etava presente no momento.Um cara gordinho, tacou o licrofone na cara do prefito,ai os segurança do prefeito deu no gordinho,ai os manifestantes que estava do lado de fora entraram todos de uma vez e derrubaram tudo, eu sai de lá correndo,mas o que eu entendi o prefeito foi lá para fala com os sindicalistas e leva uma pancada assim tambem não dá.obrigado

  2. Olha realmente o que aconteceu foi lamentavel, mas é o seguinte admiro o prefeito Soliney silva por sua coragem,não é querendo ensentivar a violência, mas a uma hora uqe o ser humano no caso o prefeito perde a paciência por que tem um vereador da oposição,o Americo de sousa, vai a radio esculamba chama de ladrão, chinga, jogar piadinhas insertas, e o pior é todo sabado as 12h esse fato só aconteceu por que ele Americo de sousa desafiou na radio o prefeito acomparecer na reunião, reunião que eu estava lá,que só foi provocativa nada foi discutido. O ANUNCIO ERA O SEGUINTE.CONVOCATÓRIA

    O SINTASP/MCN, através de seu presidente, CONVOCA a todos os TODOS OS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COELHO NETO/MA E OS APROVADOS NO ÚLTIMO CONCURSO PÚBLICO para uma Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada no dia 24/03/2012 (SÁBADO), às 17:00h, em primeira convocação ou 30 minutos depois com qualquer número de associados presentes, em sua sede, situada à Rua das Virtudes,340, Santana, para tratar da seguinte pauta:

    1- Aplicação do Piso Nacional do Magistério;
    2- Atraso no pagamento dos servidores municipais de Coelho Neto.
    3- Pagamento de horas extras a todos os servidores que trabalharem além da jornada legal permitida;
    4- Trabalho excessivo para os A.O.S.G.
    5- Plano de Carreira para todos os Servidores Públicos Municipais de Coelho Neto.
    6- Posse aos aprovados no último concurso público.
    7- Outros assuntos de interesse da categoria.

    VENHA PARA A ASSEMBLÉIA GERAL, DEFENDER OS SEUS DIREITOS. A RESPONSABILIDADE PELO SUCESSO OU FRACASSO DA NOSSA LUTA É DE CADA UM DE NÓS. TEREMOS UM COQUETEL EM HOMENAGEM AOS 23 ANOS DO SINTASP/MCN
    Osmar Aguiar Ferreira
    Presidente do SINTASP/MCN

    Um ponto que eu achei interesante foi o seguite:A RESPONSABILIDADE PELO SUCESSO OU FRACASSO DA NOSSA LUTA É DE CADA UM DE NÓS
    o que eu entendi é que tudo isso ai na pauta o prefeito já cumpri e o sindicato já nos jogou a responsabilidade do nosso fracasso, por que eles sabiam que nos iriamos perder. Armaram isso tudo usando nós servidores publicos para fins politico.INJUSTIÇA CONTRA O PREFEITO.

    • achei foi pouco…kkk.o americo so sabe é xingar o prefeito.ta bom de caçar o q fazer…e dexar o prefeito trabalhar em paz.pq ainda vai ter mais quatro anos po soliney…(com fé em Deus)….

  3. SOLINEY DIVULGA CARTA E EXPLICA INCIDENTE OCORRIDO EM COELHO NETO

    Em primeira mão às 18h: 35

    Caríssimo blogueiro,
    Utilizo-me deste espaço para rebater os argumentos utilizados em recentes matérias veiculadas a nível estadual sobre acontecimentos relacionados à cidade de Coelho Neto.
    Desde o início da minha trajetória política tenho atuado sob o auspício da sensatez, respeitando as ideologias, de modo a preservar os princípios que norteiam a democracia, seja nas campanhas eleitorais ou nos vários mandatos que já conquistei.
    Depois de muita persistência consegui realizar o meu projeto político, que era governar a cidade que escolhi para morar e constituir família.
    Tudo foi sempre muito amargo. A família Bacelar, que então dominava politicamente este município, não permitia que eu chegasse aonde cheguei.
    Contudo, alicerçado no apoio dos correligionários que acreditavam na possibilidade de mudança, continuei a minha luta, até que finalmente consegui.
    Hoje, como antes, pessoas camufladas de líderes sindicais, usam a entidade para, em nome dos servidores municipais, se promoverem politicamente.
    A diferença é que antes eles usavam apenas o Partido dos Trabalhadores e o Sindicato. Atualmente, eles ampliaram esse poder de promoção com a internet e uma emissora de rádio comunitária.
    Todas as atitudes desses líderes camuflados são premeditadas, inclusive o fato de se postarem como vítimas em todas as suas badernas. E agora muito mais aparelhados, sob a tutela e o intelecto da família Bacelar, desbancada pelo povo coelhonetense nos pleitos de 2008 e 2010.
    Nenhum deles pode ser candidato. São todos “ficha suja”. E fica difícil para eles engolirem o fato que eu posso, querendo, disputar qualquer eleição, em qualquer pleito que preferir.
    Certo é, caríssimo blogueiro, que eles perderam campo político e agora usam o vereador Américo de Sousa, eleito no meu palanque, e toda a estrutura que mencionei, objetivando desgastar-me politicamente.
    Isso se tornou uma obsessão para eles, justamente eles que conseguiram ao longo dos tempos inviabilizar o município, a ponto de sucatearem o sistema de saúde e comprometerem a rede municipal de educação. Isto sem citarmos os desmandos e a corrupção que representam hoje a mancha nas suas fichas.
    Aconteceu, realmente, no último dia 24, um ato público dos servidores contratados pelos programas do governo federal em resposta à perseguição orquestrada pelo grupo Bacelar, deflagrada pelo vereador Américo de Sousa, meu ex-aliado, e pelo SINTASP, entidade que atua com desvio de finalidade, os quais insistem na demissão desses servidores.
    Com relação a isso, fui informado que os servidores contratados estavam tentando impedir a politização do fato, mas foi inevitável. O presidente da entidade, professor Osmar – que faz questão de dizer que será candidato a vereador, liderou uma forjada assembléia, enquanto o vereador Américo de Sousa, como sempre, foi à rádio para denegrir pessoas e tentar macular, mais uma vez, a minha administração.
    Em solidariedade aos servidores resolvi ir ao local onde se defrontavam as duas manifestações (a do sindicato, idealizada pelo grupo Bacelar, contava inclusive com aparato policial). Acreditando na possibilidade do diálogo resolvi procurar os líderes sindicais, mas fui recebido agressivamente. Um dos líderes, Lima Júnior, traiçoeiramente, atingiu-me com um microfone.

  4. A provocação de Americo de sousa antes de tudo, vereador Americo de sousa do PT na sua radio local aqui em coelho neto falou bestera ao dizer .”O mal dezempenho do jogador Elkson no Bota Fogo tem haver com o prefeito”, “Tudo que acontece de ruim é o prefeito”.

  5. “interessante”

    REFLEÇÃO O Americo de sousa já foi meu professor, e eu admirava muito ele em 2007 por ter liderado aquela greve grandiosa afavor dos professores, no governo do Dr.Magno ,um dia ele chegou para nos da classe e disse o seguite ” bem gente como todos sabem sou o Americo de sousa presidente do SINTASP,que é o sindicatos dos professores, hoje eu estou aqui trabalhando quase forssado já que o Dr.magno suspendeu o meu salario por eu ser um lider sindical”.Agora eu vejo ele ai do lado do Dr.Magno,rapaz como as pessoas mudam e o Americo mudou para pior, traiu se proprio.NÃO DÁ PRA CONFIAR.

    JUNIOR (depoimento)
    Sou mais um contratado por soliney silva e eu apoio ele por me ter empregado mesmo sem ter nenhur concurso, ele sabi das minhas necessidades, sou casado e tenho dois filhos pequenos para criar.No governo do Dr.magno eu era desempregado e vocês não sabinham a dor que me dava ao ver meus filhos pedido algo e eu sem dinheiro para compra vou fazer um novo concurso publico e quero passar, mas se o prefeitos for se candidatar saiba que ele tem o meu voto.Obrigado prefeito.”E CONTRATADO TAMBEM TEM DIREITO” sindicato.

  6. Ôlá caro jornalista não me contive com tamanha cara de pal dessas pessoas que postaram esses comentários certamente devem estarem sendo benefiado com alguma boquinha, aqui em Coelho Neto só apóia essa atitude quem faz da panelinha. Esse rapaz que no momento se encontrava no auditório do sindicato pode ser considerado um heroi porque defendeu mulheres e crianças, porque se esse rapaz não estiversse no local eu sei o que poderia de mais grave . Minha mulher que é servidora pública teve que se trancar no banheiro foi momentos de terror.

Os comentários estão fechados.