Esposa e sogro de Luciano Genésio recebiam mais de R$ 120 mil de salários em Pinheiro

Está explicado por que o deputado com prazo de validade vencido Luciano Genésio (PCdoB) brigou até com o pai, o ex-prefeito Zé Genésio, para aliar-se ao também ex-prefeito de Pinheiro, Zé Arlindo (PSB), nas eleições do ano passado.

O comunista era candidato a vice-prefeito na chapa do socialista – o pai disse que ele juntou-se ao “lado podre” (veja ao lado). Ambos foram derrotados pelo padrinho de Arlindo, Filuca Mendes (PMDB).

Uma rápida revisão nas contas da Prefeitura revelou, ontem, que só a esposa e o sogro de Genésio, juntos, recebiam mensalmente mais de R$ 120 mil em salários. Os dois são médicos, mas não há registros de que tenham aparecido por lá para trabalhar.

De acordo com extrato do Banco do Brasil a que o blog teve acesso, em dezembro Talvane Ribeiro, o sogro, receberia R$ 67,5 mil. Já a esposa do suplente de deputado, Thaiza de Aguiar, R$ 55,5 mil (veja na imagem acima).

Os salários foram pagos o ano inteiro. Como essa última folha foi gerada apenas no dia 29 de dezembro, para pagamento dia 31 – quando o banco não abriu para expediente externo -, o BB acabou não confirmando as transações e ninguém conseguiu sacar o dinheiro.

Menos mal para Filuca, que conseguiu diminuir o prejuízo da Prefeitura em quase R$ 500 mil.

Outro lado

Em nota, Luciano Genésio diz que tomou a decisão certa ao apoiar Ze Arlindo, “tanto é que o resultado foi 50,1% x 47,5%”, e que os valores pagos aos médicos justificam-se pelo “fluxo muito grande de atendimento hospitalar em função de que os municípios circunvizinhos dispensaram seus médicos”.

Ainda de acordo com o suplente de deputado, tanto o sogro – uma espécie de três em um -, quanto a esposa davam expediente em Pinheiro. Veja a nota abaixo. O resto, deixo com os comentaristas de Pinheiro. Eles são os mais avalizados para tratar do assunto.

“Venho através desta contestar a matéria do blog Gilberto Léda, fazendo os seguintes esclarecimentos: A minha decisão de apoiar o prefeito Zé Arlindo fez com que a eleição fosse monopolizada entre dois grupos, tanto é que o resultado foi 50,1% x 47,5%. Então agi corretamente por unificar as oposições.

A cidade de Pinheiro após as eleições de 2012 teve um fluxo muito grande de atendimento hospitalar em função de que os municípios circunvizinhos dispensaram seus médicos e todos os atendimentos passaram a ser realizado em Pinheiro, tendo seu maior fluxo de pacientes encaminhados de Santa Helena e Presidente Sarney, onde todos estes eram feitos por enfermeiros. O Hospital regional Antenor Abreu teve que pagar aos plantonistas salários maiores do que vinham sendo feito em função deste fluxo. Contávamos com um cirurgião, um clinico, um ortopedista e um anestesista. O Dr. Talvane Hortegal como publicado no seu blog, era nosso cirurgião tanto de cirurgia eletiva quanto de cirurgias emergenciais.No tocante ao Hospital Materno Infantil, tínhamos sempre um pediatra na emergência, um obstetra, um pediatra na UTI e um pediatra na enfermaria.

Neste contexto enquadra-se a Dra. Thaíza Hortegal quer exercia sua função como medica da emergência, da enfermaria e da UTI ( essas duas ultimas diariamente). Sendo esta a única médica daquele município com respaldo para exercer essas funções ( curso e formações). Entre os obstetras encontrava-se o Dr. Talvane Hortegal, no qual realizava também o serviço de ultra-sonografia naquele hospital e endoscopia no município. E os recursos para o pagamento desta produtividade referente ao mês de dezembro foi repassada pelo Ministério da Saúde no dia 28-12-2012, sendo que este só foi liberado 03-01-2013 já na gestão do Filuca Mendes e este através de um decreto sem legalidade jurídica apossou-se do mesmo, achando que não deve pagar os profissionais que trabalharam.

Os excessos de plantões destes profissionais citados deveu-se ao fato de que Filuca Mendes já ė conhecido naquele município em não pagar funcionários de outra gestão, como já acontecido em 2001. E os profissionais sabedores disso, temiam em trabalhar no mês de dezembro, com isso tive que contar com minha família para manter o que nós conquistamos que foi o menor índice de mortalidade infantil e o selo UNICEF”


32 pensou em “Esposa e sogro de Luciano Genésio recebiam mais de R$ 120 mil de salários em Pinheiro

  1. Gilberto,

    E tem gente nessa lista q nao tem nem CRM, se formou em 15/12/2012 e recebia uma bolada. Vereador recebendo $ do municipio por trabalhar como medico, coisa vedada por lei….
    A molecagem era grande!!

  2. Que safadinho… Mais o que esperar do filho de Zé Genésio?? Esse dai não tem família, tem quadrilha!

  3. Caro Gilberto!O grande problema é queo POVO não tem opção e não adianta
    dizer,(O POVO NÃO SABE VOTAR), por exemplo,esse aí, é do PC do B,que
    vide empunhando a bandeira da ÉTICA e da MORAL,como fez,também ,por
    muito tempo,esse “pornográfico”,PT.Ficamos aqui imaginando,qual seria o
    resultado de uma rigorosa AUDITORIA, em uma Prefeitura de SÃO LUÍS e no
    Governo do Estado do MA,nos últimos 10(DEZ),ANOS,somente.Será se o
    Prefeito de SLZ,EDIVALDO H.Jr.irá fazer isso,ou será mais um falastrão e
    continuará tudo na mesma situação ?O Povo está de OLHO,né?

  4. Notem que nesse documento do BB tem gente que ganha ate 90.000
    9.000 quem serian essas pessoas

      • Dr Ubiratan era o único médico que ‘freqüentava’ o materno infantil nos últimos 6meses,pois o hospital estava sem condições de funcionamento. Ele está doido atras desse dinheiro,pois dos 90mil ele teria que passar 20mil a um jovem ‘dr’ que não tem CRM e consequentemente não poderia exercer a profissão,mas vinha ‘trabalhando’ em Pinheiro.

      • Não deveria ter coberto os nomes. O documento é do BB.
        Se os nomes estivessem descobertos certamente alguém saberia de quem se trata e já teria informado.
        Afinal, trata-se de dinheiro público.
        Dinheiro que vem de impostos pagos por pessoas que não tem nem o que comer.
        Todos os nomes devem ser divulgados.
        Todos!

        • O que interessa na postagem são a esposa e o sogro do deputado… até já identifiquei um terceiro nome, mas fica pra uma próxima postagem…

          • Não, não, não!
            Interessa saber todos os que estão se locupletando.
            Todos, afinal trata-se de dinheiro público.
            Dois pesos e duas medidas só leva ao descrédito.
            O nome de todos!
            Até dos que ganham menos de 10 mil reais.
            O salário médio de um médico nas prefeituras brasileiras gira em torno de 8 mil reais.
            Passou de 10 mil…
            Publica tudo.
            Em jornalismo CREDIBILIDADE é fundamental.

          • Mas quem garante a você que TODOS da lista estão se locupletando? Se locupletando com 2mil, 6 mil por mês? Tem gente que trabalhava de verdade. A lista do banco não distingue quem aparecia ou não para trabalhar… Por isso o cuidado

  5. Em Pinheiro ta um caos, Zé Arlindo deixou mais de 80 mil so em conta de luz atrasada, tem vários orgãos que estão sem energia.

  6. e vai ficar por isso mesmo, duvido que a polícia civil ou o mp façam alguma coisas, são duas instituições inertes…

  7. Flávio Dino, Flávio Dino, o que você vai dizer para o seu eleitorado?
    Moralidade na coisa pública?
    O PC do B vai expulsar alguém?
    Vai nada.
    Isto é prática comum entre os membros deste partido que nega até a existência de Deus.
    Até porque se fosse para expulsar teria que expulsar os quem ganha sem sequer aparcer na autarquia que preside.
    É este PC do B que quer o governo do Maranhão.
    É este PC do B que fala de moralidade e de ética.
    Só os imbecis acreditam nos comunistas.

  8. Este Flávio Dino deve estar é aplaudindo isto tudo.
    Sendo praticado por comunista FLÁVIO DINO acha tudo normal, tudo legal.
    No escândalo do Orlando Silva, o LADRÃO que a Dilma demitiu do Ministério dos Esportes por ROUBO DE DINHEIRO PÚBLICO, ele ficou apoiando o LUNFA até o último momento, dizendo inclusive que era amigo pessoal do DESONESTO.
    De gente desta laia o PC do B está cheio.
    Breve vocês verão mais escândalos.
    Aguardem.

    • Meu caro largue de ser louco e doido , os unicos maniacos do maranhão são a familia sarney uns bandos de ladrões , não fale besteira seu porco , pois todos vivemos na lama a qual a familia sarney afundou o maranhão , poco louco , não fale besteira .

      • Porco é você que gosta desta lama toda.
        Aponte um comentário meu defendendo a família Sarney. Só um!
        O que eu não posso engolir calado é o dinheiro do povo ser desviado através de salários como estes que só existem no Maranhão. Isto é desvio de dinheiro.
        Mas como se trata de gente ligada ao Flávio Dino você acha tudo normal.
        Por que o Flávio Dino não vem explicar este escândalo. Se serve de trouxas como você para tentar desqualificar os outros.
        Os FATOS aí estão. FATOS!
        O Orlando Silva foi demitido pela Dilma por ser honesto?
        Um dia você acordará desta quimera e verá que tipo de gente está com este Flávio Dino.
        Os escândalos a partir de agora irão se suceder.
        E não será chamando ninguém de porco que você conseguirá calar os que desejam um Maranhão sem corrupção.
        A verdade é que Flávio Dino acabou-se.
        Desprestigiado em Brasília, só consegue despachar com o Gastão, Flávio Dino vive o seu ocaso político.
        Em 2014 dificilmente terá condições de sair candidato, tendo que limitar-se a mais uma vez ser cabo eleitoral do Sarney, como em 2010 quando pediu no segundo turno votos para a Dilma, Dilma que no primeiro turno tinha apoiado a filha do Sarney e determinado a derrota do Flávio Dino no primeiro turno.
        Tudo se repetirá apenas com uma pequena diferença: FLÁVIO DINO NÃO TERÁ CONDIÇÕES POLÍTICAS SEQUER DE SER CANDIDATO.
        O desastre que acontecerá em São Luís com salários atrasados, lixo nas ruas, secretários sendo trocados a todo momento,etc, inviabilizará por completo a candidatura do Flávio Dino.
        FLÁVIO DINO ACABOU-SE.

  9. Meus caros , isso não é desvio ou falcatrua , isso se chama platão médico .
    Um platão médico em Pinheiro está no equivalente a $ 30 mil reais e a mulher de Luciano Genesio além de ter plantão era a diretora do Materno infantil e seu pai pegava vários platões durante esses ultimos meses , e essa história de não ter médico no hospital é mentira , pois as enfermeiras estavam em creve (pois o prefeito Filuca) orquestrou uma greve com a maioria então quem estava atendendo nos hospitais eram os médicos bando de equivocados . Filuca disse: que seria o maestro e ia por o povo de Pinheiro literalmente pra dançar . E acho que vcs estão mesmo mal enformado pois como o vereador Leonardo Sá não teria CRM ? Se ele não tem Filuca não tem responsabilidade pois ele trabalha desde o tempo do “prefeito que fez , prefeito que faz mal” nos hospital da cidade . Vão procurar assunto para falar meus caros e se informa pois estão muito mal informados .

    • “Um platão médico em Pinheiro está no equivalente a $ 30 mil reais.”
      UM PLANTÃO MÉDICO POR 30 MIL REAIS?
      Cada dia fica provado que tem bobo para acreditar em tudo.
      30 MIL REAIS UM PLANTÃO MÉDICO.
      Tem bobo até para acreditar que Flávio Dino está preocupado em mudar o Maranhão…
      São Luís ele arranjou um prefeito que já está mudando…
      E como está mudando….
      Todo mundo satisfeito com a administração do indicado pelo Flávio Dino…
      30 MIL REAIS POR UM PLANTÃO MÉDICO.
      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
      Só rindo. Como levar uma idiotice desta a sério?
      Isto só pode caber na cabeça de um porco.

    • Plantão a 30mil????? Jesus, Maria,José… Nem o mais afamado neurocirurgião consegue um feito desse!!! E o pessoal achando que Coroata era o sonho dourado dos médicos,mas lá pagam ‘só’ 2.500… Em pinheiro recém-formada conseguia muuuito mais, e ainda tem louco(a) que acha normal!! Além de louco(a), não sabe ler muito bem… Não li em lugar nenhum aqui que o vereador Sá…fado não tem CRM! Desse tem coisa muito pior pra se falar… Acúmulo de salários(câmara e INSS), recebimento indevido de recursos do MS, era dono da tal cooperativa de médicos… E muito mais.

  10. É inacreditavel que um fato desta natureza aconteça no Maranhão. Mas se for verdadde é um insulto ao povo da terra e cabe ao MP apurar os fatos.

  11. Caro Gilberto Léda
    Entre os que não tiveram os nomes divulgados tem um que recebeu 32.300,00. Outro que recebeu 43.500,00. Depois aparece um com 34.000,00.
    Logo em seguida vem um com 13.000,00, mais um outro com 47.000,00 e fechando com chave de ouro a relação alguém que recebe “APENAS” 96.000,00.
    Os nomes destes seis assalariados de “baixa renda” tem que ser publicados.
    Ou publica o nome destes seis ou não se justifica ter publicado o nome dos outros.
    Se receber estes salários estratosféricos não for locupletação o que diabo é locupletação?
    Os nomes, Gilberto Léda. Os nomes.
    Eu não entendo o MP ainda não ter se pronunciado neste caso.
    Onde fica a tal LEI DE TRANSPARÊNCIA?
    Mas falar em lei num país onde um condenado pelo STF a 6 anos e 2 meses de cadeia assume uma cadeira de deputado Federal…

Os comentários estão fechados.