PM: recém-formados dizem que trabalharam no Réveillon sem nomeação

nomeação nomeação2 pm_nomeaçãoApós a revelação do blog de que o Governo do Estado mentiu ao anunciar a incorporação de mais 1.500 homens às forças da Polícia Militar (reveja), surgem novas denúncias.

PMs recém-formados no Curso de Formação de Soldados informam que foram escalados para trabalhar, mesmo sem nomeação, durante as festas de fim de ano.

Em vários prints de conversas desses formandos encaminhadas ao Blog do Gilberto Léda eles comentam abertamente sobre o assunto.

“Só vamos voltar a tirar trabalhar quando sair a nomeação (sic)”, diz um deles, dando a entender que já trabalhou.

Em postagem realizada ontem (6), o Blog do Ebnilson relatou, ainda, mais um caso.

“Nos que fomos formado no 3º bpm em Imperatriz como ja repassei(…) trabalhamos no dia 31, um dia depois da formatura e sem armas, nem sequer uma tonfa e nunca recebemos coturnos (sic)”, declarou, segundo Ebnilson, um dos novatos de Imperatriz (veja mais).

O blog entrou em contato com o comandante do 3º BPM daquela cidade, coronel Markus Lima. Ele negou a irregularidade. “Aqui não teve nada disso. Está tudo certo”, afirmou.

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) também garantiu que nenhum dos que não têm nomeação está trabalhando ou trabalhou.

“A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) por meio da Polícia Militar esclarece que soldados formados na segunda turma, no mês de dezembro, não foram empregados no esquema de segurança montado para o policiamento de Réveillon”, diz o comunicado.


10 pensou em “PM: recém-formados dizem que trabalharam no Réveillon sem nomeação

  1. rapaz isso é uma total irresponsabilidade DESSE GOVERNO, VAI QUE UM CARA DESSES MORRE, COMO FICARIA A SITUAÇÃO PERANTE A JUSTIÇA. ESSE COMUNISTA QUE FOI JUIZ E ABANDONOU A CARREIRA PENSA QUE PODE TUDO. O COMANDO DO ESTADO ESTÁ ENTREGUE NAS MÃOS DE UM DITADOR IRRESPONSAVEL.

  2. Gilberto confirma com o Secretário se é verdade que os PMs do interior que formaram em São Luis e foram nomeados esta semana, ficarão trabalhando em São Luis e só serão encaminhados para as cidades para as quais prestaram concurso em março. Será que a segurança dos habitantes da capital é mais importante que dos cidadãos do interior?

  3. O governo atual bateu pesado quando o governo anterior botou os recém formados 2014 para trabalhar sem nomeação, ou seja, sem legalidade. Resumo: Governos diferentes, práticas iguais, a mudança não veio

  4. RAPAZ AQUI EM IMPERATRIZ O PESSOAL RECÉM FORMADO ESTÁ TRABALHANDO SEM SER NOMEADO. TODO MUNDO ESTÁ COM RECEIO DE TRABALHAR SEM NOMEAÇÃO.

  5. Pingback: Alguém continua mentindo sobre os novos PMs… – Blog Adrianinho Mais

  6. Sonho de todo concurseiro é: ser aprovado, ser chamado e depois ser nomeado quando o contrário acontece vem a frustração e o descrédito nas órgãos públicos que realizam o concurso.

  7. Esse governador não passa de um demagogo. Vejam a historia do concurso. Ao invés de realizar um concurso de verdade, melhor planejado, melhor elaborado, que atendesse qualitativa e quantitativamente as necessidades, ele simplesmente tomou a mais populista de todas as medidas que estavam a seu alcance. Sob o pretexto de não haver tempo, abriu as porteiras do serviço público militar para centenas de despreparados, que sequer atingiram a media no ultimo concurso, e danou-se a fazer propaganda. Resultado, de tao despreparados, o tatal de quase 4.500 candidatos chamados no ultimo ano, pouco mais de 500 passaram nos testes restantes.
    Ora, mais se não conseguiram atingir a media mínima no concurso, porque razão se poderia acreditar que estivessem eles preparados para as demais etapas, que são tao importantes quanto a primeira ? Mas não pensem que o Senhor governador e sua trupe não sabiam disso. Claro que sabiam. O problema é que ele não é diferente dos demais. Ele sabia que o impacto das propagandas surtiria mais efeito com o aproveitamento dos candidatos do concurso anterior, que por sinal não foi ele quem fez, do que simplesmente fazer um outro. Acontece que esse egoísmo, esse narcisimo administrativo não pode estar acima de toda uma sociedade.
    Se olharmos com um pouquinho de atenção para a nossa Policia Militar veremos que nada mudou.

  8. Pingback: PMs sem nomeação são escalados para trabalhar em ITZ | Gilberto Léda

  9. Pingback: Alguém continua mentindo sobre os novos PMs… | Ame Sua Cidade

Os comentários estão fechados.