Flávio Dino anuncia cortes de R$ 100 milhões e contingenciamento de 30%

10h45 – O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou hoje (18) que procederá a um corte de R$ 100 milhões em contratos do governo com terceirizadas e prestadoras de serviços no Maranhão.

Segundo ele, Saúde e Educação não serão afetados pelo corte.

Além disso, o comunista informou em entrevista coletiva realizada pela manhã, no Palácio dos Leões, que efetuará contingenciamento de 30% do orçamento do custeio da máquina administrativa para 2016.

Nesse caso, o orçamento da Segurança também será congelado, apesar de o governador garantir que os recursos para investimentos na área não serão afetados.

Ao anunciar as medidas, Dino relatou baixa de receitas oriundas de transferências federais – o Fundo de Participação dos Estados (FPE), principalmente -, mas adiantou que, como se espera melhora da situação econômica do país no segundo semestre deste ano, pode haver um “descontingenciamento”no futuro.


7 pensou em “Flávio Dino anuncia cortes de R$ 100 milhões e contingenciamento de 30%

  1. CONTIGENCIAMENTO, PALAVRA BONITA PARA NÃO DIZER CORTE NO CUSTEIO DAS SECRETARIAS. ANO PASSADO TEVE SECRETARIA QUE NÃO TINHA ÁGUA MINERAL, CAFEZINHO, PAPEL HIGIENICO ETC… ESTE ANO SERÁ PIOR. É A MUDANÇA IMPLANTADA POR FLAVIO DINO.

  2. EDVALDO JR DEVERIA APRENDER A GOVERNAR DESSA FORMA
    ELE ENCHE A PREFEITURA DE FUNCIONÁRIOS E PROPAGANDAS MENTIROSAS

  3. KKKKKKKKKKKKKKKKKKK NEM PODE CORTAR O QUE NÃO TEM, ELE JÁ TIROU A SEGURANÇA DAS ESCOLAS DESDE 2015, ESSA É A POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO DO PC DO B E DE FLÁVIO DINO.

  4. Pingback: NOTINHAS DA TARDE | Gilberto Léda

  5. ESSE ARGUMENTO GOVERNAMENTAL É PARA CULPAR O FUNCIONALISMO PÚBLICO.BASTA OBSERVAR O ORÇAMENTO DE 2016 E VERIFICAR QUE O COMPROMETIMENTO COM A FOLHA SALARIAL DO ESTADO É ABAIXO DE 45%.O QUE O GOVERNO DEVE FAZER É REDUZIR O NÚMERO DE SECRETARIAS OCIOSAS E OS CARGOS COMISSIONADOS, MAS ISSO, FATALMENTE NÃO FARÁ, POIS SERVE UNICAMENTE PARA PRESTIGIAR OS “COMPANHEIROS” .

    • O comprometimento era
      Ainda menor em
      2014, João. O atual governo inchou a folha de fato, e agora precisa fazer cortes às pressas antes do fim do ano para não ser penalizado pela LRF

  6. Pingback: Flávio Dino fracassa em conter gasto com pessoal; MA aproxima-se de limite da LRF | Gilberto Léda

Os comentários estão fechados.