Luciano Genésio decreta emergência na Saúde de Pinheiro

O prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PP), decretou estado de emergência na Saúde municipal logo no primeiro dia útil deste ano.

O ato é do dia 2 de janeiro, mas só foi publicado no Diário Oficial do Estado do dia 19, disponibilizado para consulta ontem (23).

Segundo o progressista, a medida se justifica porque “preliminar da comissão de levantamento situacional apontou um caos administrativo deixado nos três últimos meses de gestão, inclusive com a saúde pública”.

Diz ele, ainda, que até o Ministério Público “constatou a precariedade no atendimento público em hospitais municipais no fim da gestão anterior”.

Segundo Genésio, a falta de transição da gestão anterior para a sua também prejudicaram o setor.

O decreto tem validade de 30 dias, durante os quais “ficam dispensados de licitação os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta à situação de emergência nas searas de atendimento, internação, cirurgias, exames, locomoção, insumos, aquisição de combustível para veículos da Secretaria de Saúde, manutenção, medicamentos e reparos e reformas no âmbito da saúde municipal”.


14 pensou em “Luciano Genésio decreta emergência na Saúde de Pinheiro

  1. Esse playboy tá devendo mais de 5 milhões para Landim. Esse foi a forma que ele achou de pagar uma parte da dívida. Cadê o dinheiro da repatriação que ele ficou?

  2. Esses manjados decretos de emergência tem por objetivo apenas adquirir produtos e serviços sem licitação. Mas isso não é tão simples assim. Pode verificar a farra de compras diretas que farão por esses dias.

  3. É muita insanidade por parte das administrações municipais. Enquanto não tivermos um MP independente, órgãos fiscalizadores imparciais, vamos assistir gestores cada vez mais triplicando seus patrimônios em detrimento de uma população cada vez mais miseráveis!!!

  4. salarios em dia, hopistais funcionando …. onde foi esta calamidade? A juíza de pho negou o bloqueio das contas da prefeitura qdo o genezinho usou esse argumento e liminar só foi dada pela desembargadora Esposa do Barrão 🙂

  5. Isso ai é pra justificar o debito desse prefeito de merda pra pagar o perigoso agiota Landim que ele ta devendo até o pescoço. Pelo que se vê Pinheiro vai realmente entrar em Estado Calamidade Publica com esses prefeitos que estão administrando Pinheiro não é só um, quem manda é o pai desse prefeitinho, o Genésio, seu irmão Lucio André e Landim e uma cupula de incompetentes.

  6. E quando foi que à justiça de Pinheiro cobrou alguma coisa de Filuca? o Genésinho está trabalhando e isso deixa as viúvas de Filuca loucos porque apostavam que o moleque como eles o chamavam durante a campanha seria segundo eles igual o pai estão quebrando à cara. aceitem que dói menos!

  7. Esse tipo de decreto já está manjado pelo TCE-MA e pelo Ministério Público. Não tem valor nenhum. Será anulado e o playboy ficará inelegível igual o pai, o famigerado Zé Genésio. Pensei que o menino tivesse uma assessoria melhor. A vontade de roubar é maior que o bom senso.

  8. Ate agora esta sendo o prefeito de GOGO , e na televisão do Pai dele quase todos os dias ele esta lá falando mal do ex-prefeito, OH prefeito vamos arregaçar as mangas , pq sabemos q vc nunca trabalhou na sua vida. Larga ex-prefeito de mão cara. Estou na torcida p vc fazer um por trabalho pela cidade de pinheiro. Apesar q tenho minhas duvidas.

  9. Nao tem nada de decretar CALAMIDDE nenhuma, têm é que aplicar o dinheiro da saude que entra todo mes do governo federal, Com esse dinheiro, dá pra fazer um hospital pro mês.

  10. Esperto esse garoto, agora a prefeitura pode comprar remédios, material hospitalar, etc sem licitação.

  11. Pingback: Pinheiro: Filuca nega caos na Saúde e diz que houve transição | Gilberto Léda

Os comentários estão fechados.