Portela rechaça afastamento: ‘nada apresentaram’

O secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, rechaçou, em contato com o Blog do Gilberto Léda, a tese de que deva ser afastado das suas funções por conta das acusações de delegados da Polícia Civil de que ele teria determinado grampos ilegais para investigar magistrados e políticos do Maranhão.

Segundo ele, tudo não passa de “armação”, baseada em acusações “desprovidas de elementos de prova”.

“Em toda essa armação, não apontaram nenhum ato praticado por mim. Por que eu seria afastado, como sugere a postagem? No meu caso, o preso Bardal e o delegado afastado Ney Anderson nada apresentaram, a não ser afirmações desprovidas de qualquer elemento de prova”, declarou.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *