Adriano critica postura de Dino de olho em 2022: ‘Populismo barato’

O líder da bancada de Oposição na Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Adriano Sarney (PV), repudiou em seu perfil, em rede social, a tática adotada pelo governador Flávio Dino (PCdoB) para tentar promover-se nacionalmente. 

Apesar de não citar o nome, Adriano fez referência aos mais recentes ataques do comunista contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). Dino é virtual adversário do presidente no pleito de 2022, quando Bolsonaro terá a prerrogativa de pleitear um segundo mandato.

“Dino é mestre na tática de rotular adversários políticos. No Maranhão insistiu no uso do ´Oligarquia’, pegou. Agora, a nível nacional, já partiu para a palavra ‘milícia’. Reparem que ele usará variantes dessa palavra sucessivamente. Conheço esse populismo barato há anos”, pontuou. 

Na semana passada, Flávio Dino comentou em seu perfil, no twitter, a operação da Polícia Federal que realizou buscas e apreensões no âmbito do inquérito do Supremo Tribunal Federal, que apura suposto esquema de produção de fake news e ameaças à Corte.

Na ocasião, ele afirmou que milicianos atuam na rede são “perigosos”. A declaração de Dino ocorreu somente após parte da mídia apontar apoiadores do presidente da República como possíveis envolvidos nas fake news. 

“Milicianos digitais fraudam a democracia e corrompem a sociedade. Espalham ódio e inviabilizam o diálogo. Desestruturam famílias e incentivam ilegalidades. Cometem e acobertam crimes. Em suma, são indivíduos perigosos”, pontuou, na ocasião.

No fim de semana, Dino voltou a tratar do tema e classificou Bolsonaro como o líder de “golpistas”. 

“Já que agora golpistas sabem que não mandam nas ruas, o ideal é que eles voltem para suas casas e parem com a indústria de fake news. E o líder deles, que é o atual presidente da República, deve passar a cuidar com seriedade do maior problema do Brasil no momento: o coronavírus”, afirmou. 


11 pensou em “Adriano critica postura de Dino de olho em 2022: ‘Populismo barato’

  1. Calma aí, sr. Adriano. Quem pôs a alcunha de oligarquia a sua família não foi Flávio Dino. Este nome precede a relevância política de Flávio Dino. E não é só um rótulo não, este nome representante exatamente o que sua família é no Estado do Maranhão.

  2. Não adianta esse comunista espernear, gritar, porque ninguém bota nele nem pra sindicato de galinheiro. Jamais ele será presidente do Brasil. O Maranhão está decepcionado com esse desgoverno.

  3. O Maranhão, tá vivendo do que, quais os investimentos e etc, em contrapartida Bolsonaro ganha terreno, haja vista, todos os recursos que o governo federal, manda para o Maranhão.

  4. O deputado Adriano falou uma coisa que é tão certa e as pessoas não conseguem ver. Abram os olhos!! Esse Flávio Dino usa dessa tática há anos! Não passa de um populista barato!!

  5. Adriano Sarney tá é certo! Flávio Dino não passa de um populista barato! Quem não conhece o sapo Dino vai dizer que ele não calunia as pessoas e nem dispara fake news… coitados… caiam na real!!!

  6. Concordo. Chega de populismo barato. É muito fácil jogar para setores da opinião pública, fazer o discurso populista, o discurso fácil, jogar para setores da sociedade.

  7. Só bobagens desse comunista aloprado! O Estado do Maranhão jogado as traças com indicadores de pobreza do IBGE mostrando em níveis de países africanos e a única coisa que ele faz praticamente é pagar a folha do funcionalismo público, com as rodovias estaduais todas esburacadas, as ditas maiores obras dele todas emperradas misteriosamente apesar de ser realizadas com recursos do BNDES e CEF, a Covid explodindo em todo estado sem a população ter assistência hospitalar pública necessária em que pese o Maranhão já ter recebido fortunas e fortunas do Governo Bolsonaro, e agora sistematicamente aparece essa criatura criticando Bolsonaro sem a minima ressonância na tentativa de entrar no debate nacional pra querer embalar uma invencionice de candidatura a Presidente da República em 2022, é muita cara de pau!!!

  8. Só os apadrinhados e beneficiários do sistema perdulário implantado por FD é que apóiam o governo, e fora esse grupo no máximo ele tem apoio dos que são cegos pela ideologia.
    Que grande obra foi realizada por FD durante todo o tempo que ele está no governo? Quais indicadores sociais melhoraram? Quantos hospitais e escolas foram construídos aumentando a rede disponível?
    A resposta é nenhuma!
    FD não faz nada, não constrói nada e não melhorou em nada o Estado do Maranhão, sua única preocupação é atacar o Presidente da República e tentar assim ganhar destaque no cenário nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *