Jerry sente o golpe, e ataca Roberto Rocha após Bolsonaro falar em arrancar o PCdoB do MA

O deputado federal e secretário das Cidades do governo Flávio Dino, Márcio Jerry (PCdoB), não gostou nada da repercussão dada pelo senador Roberto Rocha (sem partido) à fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre “arrancar o PCdoB do Maranhão” (saiba mais).

Nas redes, o senador postou uma arte com a frase do presidente, e emendou: “Tem o meu apoio, presidente @jairbolsonaro! Estamos juntos”.

Jerry sentiu o golpe. E partiu para o ataque.

“Roberto Rocha não seria jamais senador sem o apoio do PCdoB em 2014. A propósito, após trair o grupo que o elegeu, o sonolento senador amargou uma acachapante derrota em 2018, quando rastejou em 2% dos votos”, escreveu o comunista, no Twitter.


8 pensou em “Jerry sente o golpe, e ataca Roberto Rocha após Bolsonaro falar em arrancar o PCdoB do MA

  1. Será se […] Jerry também seria eleito deputado federal sem a máquina do governo? Saltou de um pouco mais de 3 mil votos em 2006, quando não tinha a estrutura governamental, para mais de 100 mil votos para federal, na última eleição.

  2. Esse Bozo é miliciano, pior que Luladrao, ele que vá mandar lá no Rio de Janeiro, aqui não, vamos impor a maior derrota pra esse presidente desumano, incompetente, que sogoverna pro cercadinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *