Hackathon impulsiona participação de micro e pequenas empresas nas compras públicas

A partir do próximo dia 23 estarão abertas as inscrições para o Hackathon Compras Governamentais, uma maratona de programação voltada para aumentar a participação, nos contratos públicos, de micro e pequenas empresas, microempreendedores individuais, agricultores familiares, produtores rurais e cooperativas de consumo. A ideia é reunir equipes de programação para desenvolver sistemas inovadores e impulsionar a participação desses empreendedores nas compras governamentais. O evento, realizado pelo Serpro com o apoio do Sebrae e o Ministério de Economia, deve ocorrer entre 20 e 28 julho.

Maior comprador do país

No Brasil existem mais de dez milhões de estabelecimentos de micro e pequenas empresas (MEPs), que respondem por 52% dos empregos com carteira assinada do setor privado. Já o governo é considerado o maior comprador do país, sendo responsável, segundo dados do IBGE, por um total de compras no valor de R$ 7,4 trilhões no ano passado, o que corresponde a 12% do PIB.

“Daí a importância de promovermos um encontro entre a administração pública com os MEPs e equiparados, facilitando e agilizando os procedimentos de credenciamento e contratações”, explica Tiago Arrais, gerente de eventos do Serpro. “A tecnologia desenvolvida no hackathon pode ajudar a racionalizar recursos, desburocratizar processos e promover a transparência, simplificando o relacionamento das empresas com o poder público e contribuindo com a transformação digital do Brasil”, complementou.

Premiação

A premiação total do evento será de R$ 30 mil, divididos entre os três primeiros colocados. As soluções serão avaliadas segundo os critérios de promoção do credenciamento e participação das MEPs nas contratações públicas, usabilidade e design, inovação, criatividade e completude funcional. As cinco equipes mais bem avaliadas serão convidadas para uma demonstração final durante a cerimônia de encerramento do evento.

O Hackathon Compras Governamentais contará cerca de 40 mentores, cinco palestrantes e seis membros da comissão julgadora. A última maratona de programação promovida pelo Serpro trouxe representantes do Ministério da Economia, Controladoria Geral da União, TCU, Confederação Nacional dos Municípios, SEBRAE, Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro e universidades federais de São Paulo, Rio Grande do Norte, Paraíba e Rio Grande do Sul. A expectativa neste ano é reunir, novamente, representantes do governo, academia e sociedade.

Acesse a página do Hackathon e fique por dentro de todas as informações do evento.

As informações são do Serpro


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.