Recordar é viver: em 2013, Dino atacou sistema eleitoral e apontou fraude

Vídeo e informações originalmente publicadas no dia 25 de fevereiro de 2013.

Em discurso durante o encontro regional do PDT em Imperatriz, em 2013, Flávio Dino – hoje ministro da Justiça e Segurança Pública, declarou que a diferença de 0,08% dos votos válidos que garantiram a vitória de Roseana Sarney no primeiro turno da eleição de 2010 para.o Governo do Maranhão, foi fraudada “na calada da noite” na Corte Eleitoral.

“Nós ganhamos a eleição, porque foi necessário fraudar a eleição no Tribunal Regional Eleitoral, na calada da noite, para conseguir uma diferença de oito centésimos. Oito centésimos, que parece coisa de corrida de Fórmula 1. Oito centésimos, que é menos que um décimo, dois mil votos, nos separaram do 2º turno”, acusou Dino.

E não foi só. Antes, ele já havia falado em “jogo de cartas marcadas” no TRE. “O Marco Aurélio, que está aqui, lembra junto comigo do que nós enfrentamos no TRE do Maranhão. Lembra do jogo de cartas marcadas que estava ali colocado”, afirmou.

Reveja o discurso:

3 pensou em “Recordar é viver: em 2013, Dino atacou sistema eleitoral e apontou fraude

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *