Post deletado pelo editor

Um mal-entendido numa troca de mensagens entre o titular do blog e uma fonte da Procuradoria Geral do Município de São Luís acabou ocasionando a produção de uma matéria equivocada sobre a ação protocolada pela AL e pelo Estado, no STF, para retomar os trabalhos da CPI dos R$ 73 milhões.

Alertado por alguns leitores (uns bem, outro mal-intencionados mesmo), o blog foi informado de que, na verdade, o Município sequer foi intimado da decisão do presidente do Supremo, ministro Cezar Peluso, pedindo as contra-razões da PGM.

Em respeito à boa informação, ao jornalismo sério e, principalmente, aos nossos leitores – marcas deste espaço -, o post foi retirado integralmente do ar. Como prova, também, de que aqui não há má-vontade contra a Prefeitura, mas sim a busca constante pela informação bem apurada.


18 pensou em “Post deletado pelo editor

  1. Gilberto Léda, julgava você bem informado, tanto que acesso o seu blog, principalmente quando se trata de assuntos que estão sob a esfera do Judiciário. O seu post, infelizmente, não condiz com a realidade. Posso lhe assegurar que o Município de São Luís ainda não foi intimado formalmente pelo STF nessa Suspensão, ou seja, o prazo ainda não se iniciou. A simples disponibilização de parte do despacho no site não serve de intimação, vc deve saber o que diz o CPC. Mais. Houve uma manifestação prévia, antes da decisão do Presidente (que considerou não ver urgência no caso e, mais, que não era caso de liminar a Suspensão ofertada pela Assembleia). E nessa manifestação prévia ofertada pelo Município há, sim, sólidos argumentos jurídicos e demonstração de decisões judiciais vigentes nesse imbróglio todo. Matéria de jornal não é defesa de nenhum ente público, privado ou de qualquer cidadão. Portanto, não é verdadeira a sua notícia! Procure ter acesso à peça no STF e confirmará o que digo!

    • Meu caro, não necessito de acesso à peça quando tenho fonte dentro da PGM. Perguntei hj à tarde: “Município já se manifestou ao STF no caso da CPI?”. A fonte respondeu: “Já. Só aquelas matérias nos jornais”.

      E isso eu posso provar, pq está tudo em mensagem de texto.

      Do que mais necessitaria eu?

      Agora, se a PGM – cujo procurador tb foi acionado por mim à tarde e preferiu não dar resposta alguma – quiser se posicionar oficialmente sobre o caso, o blog está à disposição. Eu não brinco com coisa séria, meu caro. Portanto, não me venha querer dizer como fazer o meu trabalho. Faça o seu, que deste blog cuido eu…

  2. sim senhor… agora o senhor já é até jurista… pq é muito passional pra ser jornalista. a decisão, sequer foi publicada quanto mais o prazo ser aberto para manifestação dia 19. siô, se informe melhor!!! peça uma assessoria jurídica, pq não dá pra entender de tudo.

    • Nunca tive intenção de entender de tudo… agora, vc deveria pedir uma assessoria de mídia digital, pq mudar o nome e o e-mail, não quer dizer que eu não vou saber que vc é o mesmo Marco Lobato. Mesmo IP, meu caro. Fácil de detectar.

    • Já a acionei novamente. Enquanto ela não se posicionar, o post permanece inalterado… Pode acontecer…

  3. So uma observaçao Gilberto: apos a reforma ortografica a palavra contrarrazoes se escreve assim como digitei, e nao mais com hifen, como esta no titulo de seu post!!

    • Não sei se vc percebeu, mas aqui escreve-se sem atender à reforma ortográfica (que não é aceita em nenhum outro país de língua portuguesa). Por isso nos meus títulos ainda se vê Assembléia e não Assembleia; pára e não para; bem-vindo ou bem-feito e não benvindo ou benfeito… Sabe pq? pq acho essa reforma um exagero e como o blog não é prova de redação de concurso, dou-me o direito de escrever como dantes se escrevia… Por isso contra-razões, não contrarrazões… De qualquer forma, muito obrigado pela sua preocupação. Sei que, como vc, há mts outros leitores qualificados deste blog, que podem estranhar isso. Obrigado tb pela oportunidade de falar sobre isso aqui.

  4. Na minha terra… falácia é sinônimo de mentira… e o cabra que conta algo inverídico é mentiroso… vai ter que pedir desculpas, com o rabo entre as pernas… Gilberto Mentira…!

  5. Parabens Gilberto Leda, vc sempre se destacando pela ética, e também pela prática do bom jornalismo.

    • É o mínimo que podemos fazer quando somos “traídos” por uma informação que parece quente…

Os comentários estão fechados.