Afinal, o que quer o comando do DEM?

Declaração de Clóvis Fecury, presidente estadual do DEM, a O Estado do Maranhão:

“Um acordo depende de uma negociação mais ampla, levando em consideração, também, outras capitais. A situação do Maranhão ocorre também em outros estados, de forma inversa, em que o Democratas tem candidato e precisa coligar com o maior número de partidos possível. Para o Democratas abrir mão da manutenção de uma aliança nacional no Maranhão, o PT teria que compensar isso dando apoio a um candidato nosso em alguma outra região”.

Normal dentro do processo político – pelo menos no processo político dos dias de hoje -, não fosse o passado do autor.

Não é de hoje que Fecury e Ricardo Guterres são vistos com desconfiança por outras lideranças do DEM e gente ligada à governadora Roseana Sarney (PMDB).

Durante as eleições de 2010, o próprio Clóvis Fecury foi acusado por aliados de tentar pressionar a peemedebista, ameaçando não coligar em nível estadual, se o seu pai, o suplente de senador Mauro Fecury, que é do PMDB, não fosse candidato a senador.

Clóvis era deputado federal. Em nível nacional, PMDB e DEM são adversários ferrenhos e a cúpula estadual dos democratas sempre utiliza esses argumentos para ganhar espaço nas discussões.

Talvez por isso, a reação do também democrata César Pires, deputado estadual, vice-presidente estadual do partido e líder do Governo na Assembléia. Ele tem criticado as investidas de Clóvis e Guterres.

“Do jeito que os dois estão fazendo as coisas, o partido vai, mas os votos ficam , porque os dois únicos deputados do DEM, os que têm votos mesmo, não estão sendo consultados antes de se fechar as articulações”, declarou, lembrando que o deputado Antônio Pereira também tem sido excluído.

Afinal, o que quer Clóvis Fecury?


3 pensou em “Afinal, o que quer o comando do DEM?

  1. Caro Gilberto, sou seu Leitor e Admirador, pois o que estamos lendo na maioria dos blogs são noticias pagas por por políticos com interesse em se promover. Sei que até o momento você tem se apresentado de forma correta, por isso gostaria de lhe parabenizar e ao também como leitor tentar colaborar com esta notica acima, pois voçe “poderá” estar errado. O Senador Clovis Fecury estar agindo como homem de grupo, pois antes mesmo do canditado do PT ser definido já estar tentando viabilizar apoio futuro ao pré-canditato do seu grupo. Convenhamos, não sabemos se este pré-canditato será o escolhido, pois caso não seja, não vejo motivos para esta aliança. Por isso, peço que tenha um pouco de cautela neste assunto para que continue sua difícil tarefa de continuar sendo o blog maior conceito do MA.

  2. O que o Clóvis Fecury quer? Ele ta é entediado com a vida pois é milionário e não faz nada pelo povo do MA, quero ver alguma coisa que ele trouxe pra cá com o nome dele?

Os comentários estão fechados.