Wellington do Curso questiona DataM: “dá pra confiar?”

wellingtonO deputado estadual Wellington do Curso, pré-candidato do PP à Prefeitura de São Luís, não gostou muito do resultado da pesquisa DataM divulgada ontem (31).

O pepista segue em terceiro lugar, mas neste levantamento aparece “desgarrado” dos líderes – Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eliziane Gama (PPS) -, de quem sempre esteve próximos em consultas de outros institutos (veja mais).

“Dá pra confiar?”, questionou.

Para ele, “causou estranheza” o fato de os números apresentarem diferenças substanciais em relação aos outros recentes levantamentos.

“Não sei [se dá para confirmar]. Causou-me estranheza destoar das três últimas de forma discrepante”, destacou.

O parlamentar, contudo, disse que tentaria ter acesso a detalhes da pesquisa – como a metodologia aplicada, por exemplo -, para se pronunciar de com mais propriedade.

O Instituto DataM ouviu 1.200 eleitores, de 18 a 21 de julho, com margem de erro de 3,1 pontos percentuais, para mais, ou para menos. O levantamento foi encomendado pela TV Difusora e pelo Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Estado do Maranhão (Sinduscon), registrado na Justiça Eleitoral sob o protocolo MA-07213/2016.

________________Leia mais

André Fufuca reage a críticas à pesquisa Econométrica: “contratem uma”


4 pensou em “Wellington do Curso questiona DataM: “dá pra confiar?”

  1. Da para fazer essa pergunta até para o próprio Weliington que foi notificado pelo TRE e continua cometendo crime eleitoral, usando postagens patrocionadas e andando por ai com seu gabinete móvel ainda plotado. E ai lhes pergunto, dá pra confiar?

  2. SINDUSCON encomendando pesquisa? Aí tem coisas? É esse o papel desse sindicato? Em vez de peitar a prefeitura cobrando a resolução problemas crônicos de urbanismo da cidade, ele faz é bajular o prefeito. Só Maranhão que vejo isso.

  3. SINDUSCON encomendando pesquisa? Aí tem coisas? É esse o papel desse sindicato? Em vez de peitar a prefeitura cobrando a resolução de problemas crônicos de urbanismo da cidade, ele faz é bajular o prefeito. Só no Maranhão que vemos isso!

  4. Pingback: “Dá pra confiar?” questiona Wellington do Curso sobre a DataM | Blog Jefferson Calvet

Os comentários estão fechados.