Ricardo Murad consegue suspender inelegibilidade no TRE

O desembargador Ricardo Duailibe, atuando pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), deferiu no fim do ano passado uma liminar ao ex-deputado Ricardo Murad (PRP) e concedeu efeito suspensivo a um recurso especial interposto pela defesa dele contra a decisão da corte que o considerou inelegível até 2020.

O caso será, agora, analisado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na eleição de 2018, Murad teve o registro de candidatura indeferido justamente porque havia sido declarado inelegível pela Justiça Eleitoral em Coroatá – decisão depois confirmada pelo TRE (reveja).

Se conseguir reverter o caso no TSE, o ex-deputado conseguirá validar seus 23.320 votos.

Quem fica de olho na situação é Wolmer Araújo (PV), que ficou como primeiro suplente, e alimenta a possibilidade de assumir o mandato após a recontagem.


8 thoughts on “Ricardo Murad consegue suspender inelegibilidade no TRE

  1. Esse primo dele foi escolhido na hora certa pra esse plantão…. só assim pro RICARDÃO LADRAOZAO conseguir essa proeza… ESSE pilantra tá morto politicamente… vai ficar mendigando cargo público a vida toda… vagabundo CANALHA safado !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *