Famem quer profissionalizar gestores para otimizar recursos

O presidente da Famem, Erlanio Xavier, defendeu nesta segunda-feira (25), durante a abertura do “Seminário Oportunidade para o financiamento da gestão local, parceria da entidade de prefeitos maranhenses com a Confederação Nacional dos Município”, a importância da qualificação dos gestores públicos.

– Estou à frente da Famem, junto com outros prefeitos, para fazer diferente. Recebi um voto de confiança para fazer uma gestão junto aos municípios. Minha pretensão é fazer uma boa gestão, demonstrando que a Famem é uma entidade que representa os prefeitos – destacou o presidente.

O seminário abre a programação da Famem no sentido de qualificar dos servidores diante dos dispositivos legais que possibilitam captação de recursos.

Erlanio assinalou que “desde a saída da Dilma e o governo que se seguiu de Michel Temer, os municípios mergulharam em crise profunda” e assinalou seu posicionamento eleitoral contrário ao presidente Jair Bolsonaro.

– Eu votei contra o Bolsonaro, mas o político tem que ser consciente e não torço para quanto pior melhor. Temos que torcer para que esse governo consiga avançar nas causas públicas do nosso país. Porque, se ele for pior que o anterior, nosso país vai naufragar e vai estancar toda esperança do povo brasileiro –ressaltou.

No evento, o presidente Erlanio recomendou aos gestores a constituição de uma boa equipe para obtenção de resultados satisfatórios.

– É muito importante termos uma boa equipe, porque ninguém trabalha sozinho. Desta forma estaremos preparados para planejar e executar as ações de captação de recursos e termos absoluto controle de sua aplicação – resumiu.

No entendimento do Consultor da Confederação Nacional dos Municípios, CNM, Celso Vedana, a qualificação é fundamental no dia a dia da administração pública.

– Essa é uma iniciativa fundamental, pois o dia a dia do gestor público municipal passa pela colaboração e qualificação dos servidores públicos municipais. A CNM está se preparando para um novo momento. Considero o slogan do governo Bolsonaro uma oportunidade de que haja uma melhoria na relação entre prefeito e União – asseverou Celso Vedana.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *