Maranhenses devem encampar ofensiva contra taxação do sol

A bancada do Maranhão em Brasília deve se posicionar em bloco contra a possível taxação da energia solar no Brasil.

Proposta neste sentido vem sendo estudada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Na terça-feira (8) o coordenador da bancada do Maranhão em Brasília, deputado federal Juscelino Filho (DEM), deu o tom.

“Também sou contrário à taxação da energia solar produzida por usuários individuais e compartilhada com a rede local, a chamada geração distribuída”, destacou ele, em suas redes sociais.

Ele comemorou um provável acordo entre o presidente Jair Bolsonaro e os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), para barra a contribuição.

Segundo o chefe do Executivo, os líderes do Legislativo concordaram em colocar em votação um projeto de lei que proíbe a tributação da geração de energia solar.


2 pensou em “Maranhenses devem encampar ofensiva contra taxação do sol

  1. Bolsonaro já disse que não vai haver taxação alguma. Agora aparecem esses políticos pra tentar tirar proveito.

  2. Pingback: Cemar/Equatorial defende taxa de energia solar - Gilberto Léda

Os comentários estão fechados.