Auxílio pago a maranhenses foi 5 vezes maior que a perda de rendimentos na pandemia

O valor pago como auxílio emergencial superou a perda da massa de rendimentos causada pela pandemia da Covid-19 em 22 estados do país no primeiro semestre de 2020.

O Maranhão está entre eles.

Os dados fazem parte de estudo dos economistas Ecio Costa, da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco), e Marcelo Freire, da Universidade Federal Rural de Pernambuco, e foram divulgados hoje (27) em reportagem da Folha de S. Paulo.

Segundo o levantamento, os trabalhadores maranhenses perderam algo em torno de R$ 1 bilhão em decorrência da crise sanitária. O valor pago como auxílio, contudo, foi da ordem de R$ 4,9 bilhões.


3 pensou em “Auxílio pago a maranhenses foi 5 vezes maior que a perda de rendimentos na pandemia

  1. Veja o que é um Estado pobre, sem indústria e sem construção, que quase nada produz. Acaba sendo um parasita do governo federal e dos Estados que produzem, como São Paulo por exemplo. Vive somente de repasses constitucionais, uma espécie se mesada que o pai dá a um filho rebelde por ordem judicial. Pobre Maranhão!

  2. O que fez o Governo Estadual para a população na pandemia??????
    Teve algum auxilio emergencial estadual? Não
    Apoiou o comércio? Não, pelo contrário, na loucura de se aparecer decretou lockdown e acabou com a microempresa.
    Bando de hipócrita esses comunistas.
    Ainda vem Duarte Júnior na sua propaganda de rádio dizer que o Bolsonaro vai largar o MA…
    Braide em 1º Turno MARANHÃO.
    ACORDA MARANHÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *