Tropas de Alagoas e Brasília reforçam efetivo da Força Nacional no MA

Exército já está nas ruas

Tropas da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) de Alagoas chegaram a São Luís, nesta sexta-feira (25), por volta do meio dia. Eles vão reforçar o efetivo já em atuação no Maranhão enquanto durar a greve dos policiais militares e bombeiros do estado.

Ainda na tarde de hoje, são aguardados mais homens da Força Nacional oriundos de Brasília.

As Forças Armadas também já estão nas ruas, garantindo a segurança em pontos estratégicos, principalmente postos de gasolina e conveniências, bancos, casas lotéricas e restaurantes.

Durante toda a manhã de hoje foram vistos homens principalmente do Exército Brasileiro pela cidade, mas soldados da Marinha e da Aeronáutica também compões o efetivo sobressalente que atuará por conta da paralisação dos militares.

_______________________Leia mais

“O governo não negocia enquanto durar movimento”, diz Aluísio

Coronel Melo, ontem e hoje

Baiano acusado de falsidade ideológica comanda greve no MA

Estes são os homens pagos para defender o Estado

O povo não entende a greve dos militares

Decretada ilegalidade da greve dos militares

De modo geral, o clima na capital e no restante do estado é tranqüilo, apesar da greve.

Segundo o secretário Aluísio Mendes (Segurança Pública), o número de ocorrências desde ontem tem-se mantido “na média”.

“Em alguns casos, houve até diminuição, o que comprova que a estratégia que vem sendo utilizada está funcionando”, destacou, em coletiva mais cedo.

Ele criticou, no entanto, a onda de boataria envolvendo supostos arrastões e o número de trotes que têm sido passados ao serviço de emergência da Segurança Pública, o 190.

“São muitas informações de assaltos, que, quando checadas não conferem. A gente pede o apoio da população para que colabore com a manutenção da ordem e, da imprensa, a responsabilidade de não se criar um clima de pânico que, na realidade, é inexistente”, completou.


10 pensou em “Tropas de Alagoas e Brasília reforçam efetivo da Força Nacional no MA

    • Em relação a quê mesmo? Sinceramente, acho que quem deve medir as palavras são a “enxurrada” de anônimos que vêm aqui insultar-me. A única coisa que tenho dito e repetido é: a greve é inconstitucional, decretada ilegal e uma excrescência.
      Ou não é, Zé Pereira?

  1. Praças da Polícia Militar do Estado de Rondônia – ASSFAPOM deflagrou greve em todo o estado. Os revoltosos exigem 40% de aumento para voltarem a trabalho. Por volta de 21hs, o 1º e 5º Batalhão da PM já estavam trancados e cercados por policiais manifestantes. Em seguida, os quartéis da Guarda de Trânsito e o do município de Ariquemes também foram tomados.

  2. Pirou de vez, este secretário, este cara não está falando sério, ” ele diz o que manda ele dizer, não entende absolutamente nada do que fala”, igualzinho a patroa dele, Rosengana. Rosengana já desmoralizou os Deputados, envolveu a Justiça também com –o pedido do Sarney para decretar a greve ilegal–, o que falta mais Rosengana inventar, Rosengana ainda não entendeu que o chão está sumindo dos seus pés.
    Só um doido como Aluísio Mendes, (mandaram ele dizer), afirmar que está tudo tranquilo, ocorrência na média, boataria é invenção, estratégia utilizada, Quê estratégia?, tá maluco cara!!!

  3. “(…) em vez de me apontar como ímpio ou subversivo, contentem-se em demonstrar quão mau lógico sou, ou ignorante de matéria política; não tremam a cada proposição em que faço defesa dos interesses da humanidade; constatem a inutilidade de minhas máximas e os perigos que minha opinião pode ocasionar; façam com que eu veja a vantagem das lições recebidas.” [1]

    “Contudo, se, por sustentar os direitos do gênero humano e da imbatível verdade, contribui para arrancar de morte atroz algumas das trêmulas vítimas, da tirania ou da ignorância igualmente prejudicial, as benções e as lágrimas de apenas um inocente recambiado aos sentimentos de alegria e da ventura me confortariam do desprezo do resto dos homens.” [2]

    César Bonesana — Marquês de Beccaria

  4. Recompensa de R$ 1000,00 para quem der noticias desses bandidos… francamente Gilberto Leda. Quem deve dar noticia de graça são os que deixaram eles fugirem. Aqui é assim: a policia prende e a justi$a solta. Depois que eles fogem, vem com essa… É revoltante

  5. Parabéns Léda pelo seu jornalismo com informações precisas,pois é através de seu blog que nos mantemos informados.

Os comentários estão fechados.